• domingo, 15 de dezembro de 2019
  • |
  • 23:52
Foto: Divulgação

Policiais fazem manifesto em São Paulo contra reajuste salarial do Governador João Dória

14/11/2019

O reajuste salarial dos policias do Estado de São Paulo, o mais rico da Federação, que era tão esperado devido ao Governador João Dória em suas promessas de campanha dizer que em seu governo a polícia de São Paulo seria a mais bem paga, causou frustração e descontentamento diante da classe de policiais Civil e Militares. A presidente da Associação dos Delegados do Estado de São Paulo, vem através da entidade liderando as cobranças ao Governo onde pela primeira vez na história policiais Civis, Militares, Agentes Penitenciários e Instituto de Criminalística foram as ruas no último dia 4 de novembro reivindicar seus direitos. Raquel Galinatti, fez uma declaração e encaminhou a nossa equipe, para ela o aumento anunciado de 5% jogou um balde de água frias nas instituições e quem perde não são somente os policiais, e sim a sociedade que vive com sensação de insegurança todos os dias. Ainda segundo Raquel que é a presidente da Associação dos Delegados do Estado de São Paulo a Polícia Civil que vem sendo a mais assolada com descaso do governo, esperava um pacote de medidas para a segurança pública e no entanto recebeu como um deboche os 5% de reajuste salarial. O manifesto realizado em São Paulo no último dia 4, contou com mais de 10 mil policiais, onde Raquel enfatiza que as Polícias de São Paulo merecem respeito.



COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Prefeitura Municipal de Barretos 2

VÍDEO EM DESTAQUE (ANUNCIE AQUI)

PUBLICIDADE

TEMPO

COTAÇÕES

IMAGENS DA SEMANA

MAIS LIDAS DA SEMANA

    Sem matéria cadastradas como mais lidas!