• segunda, 22 de outubro de 2018
  • |
  • 18:27

Assaltante é baleado ao apontar arma para policiais militares em tentativa de assalto no Bairro Cecap II em Barretos

12/02/2018

Um assaltante de 24 anos foi baleado em uma tentativa de assalto frustrada em Barretos em um estabelecimento comercial no Bairro Ceacap II. Durante o assalto onde dois indivíduos estavam praticando o roubo, uma viatura da Polícia Militar patrulhava pelo local, quando percebeu a ação e na tentativa de coibir a ação dos marginais um dos ladrões apontou a arma para os policiais onde foi alvejado com 3 disparos e socorrido a Santa Casa, o comparsa de 25 anos se rendeu e foi preso em flagrante. Segundo o Capitão Frugéri, foi um excelente trabalho dos policiais militares Cabo Rivas e Cabo Marcelo que com tirocínio policial, conseguiram perceber a ação dos meliantes. O estabelecimento comercial estava com vários clientes em seu interior durante a ação dos dois marginais que estavam em posse de arma de fogo, onde renderam vítimas e funcionários e já estavam em poder de uma sacola com todo dinheiro do movimento e neste momento os policiais desembarcaram e cercaram o local dando voz de prisão aos dois e ordenando que os mesmos abaixassem suas armas. Neste momento um dos assaltantes, André Ângelo Moreira de 25 anos, morador em São Paulo, de imediato se rende e entregou sua arma, já Kelves Vinícius Cardoso da Cruz de 24 anos, morador em Barretos chegou a apontar a arma para os policiais, porém não conseguiu efetuar disparos com a ação rápida dos militares que conseguiram sessar a agressão alvejando o assaltante. Kelves foi socorrido pelas equipes de resgate do SAMU e Corpo de Bombeiros e lavado a Santa Casa. André foi preso em flagrante pelo local e levado à delegacia onde a ocorrência foi apresentada ao delegado de plantão Dr. Edson Winning. Após tomar ciência dos fatos o delegado deliberou pela elaboração do boletim de ocorrência de crime de tentativa de roubo autuando em flagrante os dois criminosos ficando André preso em flagrante e Kelves sob escolta policial pela Santa Casa onde ao ser liberado será recambiado a cadeia. Duas armas de fogo municiadas sendo uma garrucha calibre 22 e uma garrucha calibre 38 foram apreendidas. O dinheiro do roubo foi recuperado e devolvidos ao proprietário do estabelecimento. O Capitão Frugéri ressaltou que foi uma ação legítima dos policiais onde nenhuma vítima ficou ferida e nem os policiais e culminando na prisão desses dos indivíduos que aterrorizaram as vítimas durante o assalto. Verificado que ambos possuem antecedentes criminais onde André que é oriundo de São Paulo tem uma longa ficha criminal por furtos, roubos e outros delitos e Kelves possui passagens por envolvimento com drogas. 



COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Banner 2