• quarta, 16 de outubro de 2019
  • |
  • 01:49

Polícia Rodoviária prende autor de tentativa de feminicídio quando tentava fugir após o crime em Barretos

17/09/2019


A equipe da Polícia Rodoviária composta pelo Sargento Franchi e Soldado Claudino, logrou êxito em prender o autor de uma tentativa de feminicídio, quando o homem tentava fugir da cidade logo após o crime em Barretos. Segundo o Sargento Franchi, a equipe obteve informação Via COPOM, que após uma guarnição da Polícia Militar chegar ao local pela Rua 22 no Bairro Jockey, teria constatado uma tentativa de feminicidio, onde o namorado teria golpeado a namorada com duas facas deixando a mesma caída no interior da casa sangrando e teria saído do local em um veículo Siena com placas de Americana. Diante das informações passadas, a equipe se posicionou em uma das saídas da cidade próximo ao Km 418 da Rodovia Faria Lima onde avistou um automóvel com as características passadas se aproximando, e foi realizada a abordagem. A princípio o condutor alegou não saber o que estava acontecendo e porque daquela abordagem, porém na busca pessoal os policiais notaram marcas de sangue no homem, de imediato já foi algemado e recebeu voz de prisão e ao ser indagado acabou por confessar a prática do crime. O caso foi conduzido a DDM pelos policiais rodoviários e outra guarnição com uma viatura de área preservou o local do crime, após a vítima ser socorrida por um vizinho. Ainda segundo Sargento Franchi a ocorrência foi apresentada a delegada Dra. Denise, que tomou ciência dos fatos ratificando a voz de prisão a Luiz Carlos Moreira de 71 anos pelo crime de tentativa de feminicídio, permanecendo o mesmo preso. Durante a apresentação da ocorrência o irmão do autor esteve pela Delegacia para buscar os pertences e o veículo, e em conversa com os militares, relatou que desde a dia anterior o irmão já havia falado sobre a prática delituosa, o que também foi repassado a delegada pois com esse relato o ato delituoso foi premeditado.


A delegada da DDM, Dra. Denise Polizelli, após ouvir as partes e concluir as deliberações de Polícia Judiciária sobre os fatos, falou em entrevista coletiva sobre o que foi apurado e das decisões tomadas. Segundo a delegada, trata-se de uma tentativa de feminicídio, onde a vítima, Marlene Andrade Almeida de 64 anos, só não veio a óbito por ter conseguido pedir socorro e um vizinho conseguiu entrar na casa e socorreu a mesma de imediato. A delegada ainda relatou que foi apurado que vítima e autor tem um relacionamento de namoro, segundo autor por cerca de três anos, onde a motivação do crime, teria sido ciúmes, onde o homem se diz saber que estaria sendo traído. Sobre como teria praticado o crime durante a oitiva a delegada, Luiz teria dito que teria ido à casa de Marlene onde começaram a discutir, onde segundo palavras do autor “ele não aguentou”, onde Luiz narra que a vítima teria pegado uma faca primeiro, e ele acabou tomando a faca e cometendo a agressão com três facadas na região do pescoço e tórax. A delegada relata que o agressor se mostrava bem confuso e dizer um pouco arrependido, o homem ainda disse ser doente que faz tratamento de câncer e que se ficar sem os remédios morre, porém, esses detalhes não foram confirmados, ainda na oitiva o agressor disse a delegada que por tudo isso e sua doença, que não está preocupado com nada que a cadeia é apenas um detalhe. A delegada conclui que pelo ciúme o autor aparenta estar fora de si, e que após todas as oitivas ela deliberou pela prisão em flagrante do autor do crime e representará pela sua prisão preventiva.


Nossa equipe teve acesso ao interior da casa acompanhando os trabalhos da equipe da Polícia Técnica Cientifica durante a perícia do local, onde as marcas de sangue pela cozinha, e a grande quantidade de sangue chamou a atenção da gravidade das lesões da vítima. Ainda não se tem um boletim médico atualizado da Santa Casa, porém somente que o estado da vítima é grave e se encontra estável ainda internada no hospital.




Mais Fotos

COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Prefeitura Municipal de Barretos 2