• sexta, 24 de maio de 2019
  • |
  • 15:49

Município diz não aderir a Virada Cultural Paulista por falta de recursos

11/05/2019


A Virada Cultural Paulista acontece desde 2007, e é um grandioso evento realizado pelo Governo do Estado de São Paulo em parceria com os municípios, com a Associação Paulista dos Amigos da Arte – APAA e com o Serviço Social do Comércio – SESC SP; que promove a circulação de programação artística em todas as regiões do Estado de São Paulo, chegando a cerca de 25 cidades a cada edição.


A cidade de Barretos já teve participação em algumas edições da Virada Cultural em tela, sendo um sucesso de público e de apresentações, todavia; há tempos o município não participa desse evento e, por esse fato, o vereador Olimpio Jorge Naben (Euripinho) questionou a Administração Municipal se o município participará esse ano da Virada Cultural Paulista, do Governo do Estado de São Paulo. O vereador solicita ao Executivo para entrar em entendimentos com o Governo do Estado com o intuito de firmar parcerias para que nossa cidade participe das próximas edições da Virada Cultural Paulistana, com o objetivo de disponibilizar cultura aos munícipes barretenses de forma gratuita.


“Esse é um dos maiores eventos culturais do Estado, com atrações gratuitas à população como shows com artistas renomados; teatro adulto e infantil, stand upcomedy, entre outros, e se trata de uma ação de baixo custo aos municípios, pois; enquanto o Estado arca com todos os custos de contratação dos artistas e monta a programação cultural principal, as prefeituras arcam somente com o investimento na montagem da infraestrutura de palco, som e luz, além de garantir a segurança e a limpeza nas áreas do evento. Além disso, os municípios podem, à critério, montarem programações paralelas, com artistas da cidade, de forma a dar visibilidade à produção artística local”, ressaltou o vereador.


Em resposta, a Secretaria Municipal de Cultura informaram que, “o município não participará da Virada Cultural Paulista, pois o local de realização e sua destinação cabem ao Governo do Estado de São Paulo, mesmo com o envio dos artistas, é um evento que demanda grandes gastos, para som, iluminação e estrutura, que deve ser atendido em sua totalidade pelo município, o que perfaz um valor elevado para ser suportado pelo município em tempos de crise”.




COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Prefeitura Municipal de Barretos 2