• terça, 23 de abril de 2019
  • |
  • 17:26

Vândalos destroem sede de Projeto no Bairro Cristiano de Carvalho em Barretos

25/03/2019

Marginais, vândalos? Difícil seria qualificar os indivíduos que destruíram a sede do Projeto Cavalgando Para o Futuro no Bairro Cristiano de Carvalho em Barretos. Durante a madrugada a sede foi invadida e grande parte destruída com portas arrombadas, vidros quebrados, extintores descarregados, matérias escolares e pedagógicos danificados, gêneros alimentícios destruídos entre outros objetos e utensílios além de pichação com palavras e desenhos pornográficos na sala de administração. Pela manhã com a chegada dos funcionários foi verificado o ato de vandalismo sendo acionada a Polícia Militar para o registro da ocorrência. O Cabo Carlos Henrique da Polícia Militar falou a nossa equipe sobre o que a polícia deparou com local e as providencias tomadas. Segundo ele, a Polícia Militar foi acionada via COPOM para uma ocorrência de furto pelo Projeto Cavalgando Para o Futuro, porém com a chegada da equipe pelo local foi verificado que não se tratava de uma simples ocorrência de furto e sim de também um ato de destruição e vandalismo. Foram constados danos por todo projeto além dos atos de crueldade contra as crianças, jovens, adultos e idosos que são beneficiados pelo projeto que devido a esse ato, poderão ter suas atividades prejudicadas. Acompanhamos os militares Cabo Carlos Henrique e Cabo Elaine pelo interior do Projeto e podemos ir constatando os atos de destruição por toda a parte. Em algumas situações os marginais foram além da destruição, como além de destruir os alimentos, leite e gêneros alimentícios tentaram colocar ovos em uma frigideira e deixar o fogão ligado, porém por sorte o fogo apagou e não ocorreu um incêndio ou dano maior, os extintores além de descarregados foram jogados na piscina além de outras tantas crueldades. A encarregada do Projeto, Renata Cataneo Costa, também falou sobre a situação encontrada. As 7 da manhã quando as cozinheiras chegaram e viram a cena já ligaram para a polícia e acionaram ela para se dirigir ao local. Ainda segundo Renata o Projeto estava recebendo as últimas adequações e reformas para receber as escolas de período integral a partir de segunda-feira, além do atendimento a jovens que são atendidos com cursos profissionalizantes, adultos e idosos que fazem atividades esportivas e de ginástica além do uso das piscinas nos finais de semana, que infelizmente agora todos esse atendimento está prejudicado. Renata ressalta e pede a conscientização dos indivíduos que praticaram esse ato, que não façam mais, pois quem perde com isso é a população. A encarregada ainda salientou que a equipes ia tentar conseguir sanar o máximo dos problemas o quanto antes para que os integrantes do projeto não fossem prejudicados em terem suas atividades interrompidas. A Polícia Militar acionou a Polícia Civil que segundo o Cabo Carlos Henrique estiveram pelo local já dando início às investigações e a Polícia Técnica Científica também esteve presente realizado os trabalhos de perícia. A Polícia Militar pede a população que qualquer informação mesmo que de forma anônima seja repassada a polícia, para que o quanto antes esses indivíduos possam ser identificados e punidos. As denúncias podem ser feitas pelos telefones 190 da Polícia Militar, 197 da Polícia Civil ou mesmo pelo 181 DISK DENÚCIAS. 



Mais Fotos

COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Prefeitura Municipal de Barretos 2