Marcos Sampaio “Kiko” e Larissa Mello vencem o Concurso Rei e Rainha da Alegria da Cidade de Maria 2017

Rei e Rainha 2017 nbr

Rei e Rainha 2017 nbr
Na noite do último dia 25, encerrou-se pelas rádios Independente e O Diário FM o Concurso Rei e Rainha da Alegria 2017, certame que tem renda total para a Cidade de Maria, o Centro Religioso e de Formação da Diocese de Barretos.

Por meio de prestígios recebidos via ligação telefônica durante o programa apresentado ao vivo por Domingues Neto, os seis candidatos disputaram, em uma competição saudável e generosa, o título que teve início em 1989, tendo como os primeiros vencedores Wilson Antônio Marques e Maria Abadia Moreira.

Neste ano, consagraram-se Rei e Rainha da Alegria o representante da Associação Os Independentes, Marcos Sampaio de Almeida Prado “Kiko”, e a representante da Fundação Pio XII, Larissa Mello. Kiko conseguiu 73.900 prestígios, enquanto Larissa recebeu 92.876. Em segundo lugar ficaram Alli Ramilo Sales Filho – Minerva Foods, com 62.940 prestígios, e Dra. Érica Miranda de Assis Kalil – AME, que conseguiu 62.050 prestígios. Na terceira colocação ficaram Dr. Eduardo Ferreira Leite – Barretos Country Hotel, tendo arrecadado 36.960 prestígios, e Renata Catalani Molezim – Amigos de Bebedouro, com 47.180 prestígios.

Na soma dos candidatos a Rei da Alegria foi arrecadado R$ 173.890,00, enquanto as candidatas a Rainha da Alegria totalizaram R$ 202.106,00. O montante total é de R$ 375.996,00.

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar