Delegado de Terra Roxa é vítima de tentativa de homicídio por atropelamento, autor foi preso em flagrante com apoio da Polícia Militar

 

DSC09639 nbr

DSC09639 nbr
A cidade de Terra Roxa viveu momentos de tensão no final da tarde de ontem. Uma disputa antiga por terras, acabou com um caso grave de tentativa de homicídio ao delegado da cidade Dr. Emerson Abade. Segundo apurado um dos envolvidos na disputa pela terra acionou o delegado que ele e seu irmão estariam sendo ameaçados de morte pela outra parte e que ele estaria com uma caminhonete rondando o local para matar os mesmos. Tomando ciência da situação e como já a outros registros em torno desse fato o delegado se deslocou ao local para averiguação e tentativa de resolver amigavelmente toda o problema, foi aí que a história por pouco não terminou em tragédia. José Aparecido de Oliveira de 64 anos, vítima da ameaça falou a nossa equipe, segundo ele outras vezes eles já foram alvos até de disparos de arma de fogo nas terras e vinha recebendo ameaças de morte tanto ele como seu irmão. No final da tarde mais uma vez o autor foi até as terras e temendo o pior, ele acionou o delegado que de pronto atendeu e ao tentar conversar com o autor, ao ser informado pelo delegado que teria que vistoriar sua caminhonete pela denúncia que ele estaria armado o mesmo jogou a caminhonete em cima do delegado e fugiu. Foi feito o acompanhamento, e por várias vezes o homem tentava bater na viatura com a caminhonete até que parou mais uma vez, e o delegado tentou verbalizar com o mesmo e ao perceber a aproximação do policial mais uma vez deu ré bruscamente jogando o delegado ao chão e ainda tentando passar por cima do mesmo, porém o delegado conseguiu fazer um rolamento e sair de perto das rodas onde por pouco não teve sua vida ceifada.

terrra roxa 19 09 nbr

terrra roxa 19 09 nbr
O condutor mais uma vez fugiu e com apoio de uma viatura da Polícia Militar foi cercado e detido. Luiz Carlos Tasso de 68 anos, recebeu voz de prisão e realizada a vistoria na caminhonete foi encontrada uma Pistola calibre .380 municiado e mais 2 carregadores. Luiz foi encaminhado na delegacia de Terra Roxa para apresentação da ocorrência. José Aparecido ainda afirmou que o delegado tentou ser gentil com o acusado e mesmo assim foi hostilizado, afirmou ainda que tem medo do mesmo e que se trata de uma pessoa perigosa e que fala que resolve tudo com o dinheiro inclusive comprando a justiça, porém José disse que acredita que a justiça é lenta mais que não será vendida. O delegado foi socorrido por populares até o hospital onde passou por exames e foi medicado sendo liberado já durante a noite. Com exclusividade Dr. Emerson, já reabilitado atendeu nossa equipe. Segundo ele já existe inquérito sobre esse problema e que após ser solicitado pela vítima foi averiguar e que tentou conversar com o autor mais infelizmente a ocorrência teve esse desfecho, onde por pouco ele não foi vitimado pelo autor. Como Dr. Emerson foi vítima do fato, outro delegado foi acionado para formalizar o flagrante onde Luiz Carlos Tasso foi preso em flagrante autuado pelos crimes de tentativa de homicídio contra o delegado e porte ilegal de arma de fogo ficando o mesmo preso à disposição da justiça. O delegado Dr. Emerson Abade desde que chegou e iniciou os trabalhos nas cidades de Viradouro e Terra Roxa, ganhou a confiança da comunidade, e mesmo depois deste fato o delegado tranquiliza os munícipes que podem confiar que o ocorrido não vai desmotivar o mesmo e que ele continuará defendo os direitos dos cidadãos de bem, e que isso faz parte da profissão policial, os riscos existem, os procedimentos existem e por isso quando o delegado verificou que se tratava de uma pessoa de mais idade, desembarcou para tentar conversar e por sorte e por Deus mesmo com tudo ele está de pé para continuar o trabalho.

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar