Trio que planejava roubo em Barretos foi interceptado e preso em operação das equipes de Força Tática

trafico e arma 28 07 nbr

trafico e arma 28 07 nbr
Três indivíduos que haviam planejado um assalto a uma vendedora de joias em Barretos foram presos pelas equipes da Força Tática da Polícia Militar. Dois indivíduos moradores na cidade de Guaíra e um na cidade de Barretos ficaram presos e com eles drogas, arma de fogo e grande quantidade de eppendorfs vazios e um veículo com placa adulterada foram apreendidos. Segundo o Tenente Rodrigo Luiz, a alguns dias atrás as equipes receberam uma denúncia que alguns indivíduos da cidade de Guaíra, juntamente com comparsas de Barretos, iriam praticar um assalto a uma residência o qual a moradora vendia joias e os assaltantes tramaram o assalto no intuito de levar dinheiro e joias da casa. Mais informações levantadas pelos policiais dava conta de que os assaltantes viriam dispostos a qualquer custo em praticar o crime onde agiriam com violência e até matariam se fosse preciso, e na vinda para a cidade de Barretos eles trariam drogas tendo em vista que um dos bandidos seria um chefe do tráfico na cidade de Guaíra. Diante de todas as informações levantadas as equipes de Força Tática realizou uma operação para tentar interceptar o veículo dos assaltantes ainda na rodovia para evitar que eles conseguissem chegar a residência e alguém pudesse ser ferido vítima da ação dos marginais, também foi feito o contato com a pessoa que seria a vítima do assalto e explicada toda a situação e solicitado que ela e os demais moradores da casa deixassem o local para que caso não fosse possível interceptar o veículo na rodovia pudesse se preservar a integridade física das vítimas e evitar que os marginais pudessem fazer além de vítimas, até mesmo reféns pelos local. Em um cerco realizado na Rodovia Assis Chateaubriand os policiais tiveram êxito em abordar o veículo suspeito com dois indivíduos e na vistoria pelo veículo foi encontrada grande quantidade de drogas e uma arma de fogo. Indagados sobre o crime os policiais também conseguiram levantar a residência do comparsa dos mesmos, morador em Barretos pelo Bairro Cristiano de Carvalho. As equipes se dividiram e deslocaram até a casa e por lá prenderam mais um indivíduo que aguardava os demais, ele ainda tentou fugir mais foi detido e na sua casa apreendido mais drogas. Um outro local que os policiais levantaram foi em uma residência abandonada pelo Bairro Derby Clube onde por lá apreenderam mais entorpecentes além de apetrechos para refino e manuseio da droga. O caso foi apresentado na DISE em Barretos onde após tomar ciência dos fatos o delegado Dr. João Brocanello deliberou pela prisão em flagrante dos indivíduos pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, associação para o tráfico, associação criminosa além de adulteração de sinal identificador de veículo, onde ficaram presos Anderson Nicolau da Silva de 28 anos, Taunai de Souza Florêncio de 22 anos, ambos da cidade de Guaíra e Claudio Ribeiro Junior de 22 anos. No total foi apreendido no carro um revólver calibre 32, 8 cintas plásticas que possivelmente seriam utilizadas para amarrar as vítimas e um quilo e meio de maconha, já na casa do Bairro Derby Clube foi apreendido um pino contendo cocaína, quase meio quilo de maconha e 22 mil eppendorfs vazios, e na casa de Claudio mais um tijolo de maconha pesando 700 gramas, além do carro que estava com a placa adulterada. O Tenente Rodrigo ressaltou o apoio da população através das denúncias e orientou a população a sempre ter mais cautela com informações de suas rotinas diárias pois essas informações podem chegar as mãos de criminosos, e também é importante que as pessoas se atentem com a própria segurança e de suas casas, principalmente quando a atividade de comércio como nesse caso das joias onde existe movimentação, se utilizando de cercas e monitoramento por câmeras pois em caso de um crime essas imagens vão ajudar a polícia a identificar os criminosos.

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar