Companheiro esfaqueia amasia na cama e depois golpeia a si próprio com faca em Barretos, ele foi autuado por tentativa de homicídio e permanece sob escolta policial

homicidio tentado 7 10 nbr

homicidio tentado 7 10 nbr
Sidney de Aviz Monteiro de 23 anos foi autuado em flagrante pelo crime de tentativa de homicídio, tendo como vítima sua amásia, Maria Claudenilda da Silva de 29 anos. Segundo relatos dos policiais militares que apresentaram a ocorrência pelo Plantão Policial. A equipe foi acionada para o local na Rua 11 de Agosto no Bairro Henriqueta, para atendimento de uma ocorrência de Maria da Penha. Com a chegada da viatura ao local dos fatos, populares informaram aos policiais que o casal já havia sido socorrido pelas equipes do SAMU, e se encontravam pela Santa Casa. Os policiais se deslocaram até o hospital, porém não foi possível colher a versão das partes pois ambos estariam passando por cirurgia. Uma testemunha do sexo feminino de 31 anos, prima da vítima relatou aos policiais que sua prima teria saído com o amasio durante a noite e somente retornando na madrugada e após algumas horas que eles chegaram ela ouviu um gemido da prima vindo do quarto. A testemunha que dormia na sala, se levantou e foi até o quarto da prima que não respondia, foi quando ela acendeu a luz e deparou com sua prima esfaqueada e o amásio dela também caído na cama com uma faca cravada na barriga, ainda a testemunha relatou aos policiais que Sidney teria golpeado Maria com mais de 30 golpes e depois tentado se ferir também. Duas equipes do SAMU deram atendimento as vítimas, e a enfermeira Natália relatou como foi o trabalho das equipes. Segundo Natália pouco depois das 5:30hs o SAMU foi acionado e com chegada da primeira equipe da Unidade Básica ao local e verificado a gravidade das vítimas, já foi solicitado apoio da Unidade Avançada que estava em outra ocorrência e ao término já se deslocou para apoio, onde as duas vítimas foram estabilizadas e receberam os primeiros atendimentos das equipes pelo local e após ambas foram encaminhadas ao setor de emergência da Santa Casa e ficaram aos cuidados da equipe cirúrgica. A vítima do sexo feminino tinha várias perfurações pelo corpo e a do sexo masculino com uma faca ainda empalada na região da barriga. O caso foi apresentado no Plantão Policial onde após tomar ciência dos fatos a delegada de plantão, deliberou por autuar Sidney pelo crime de tentativa de homicídio contra sua amasia, atribuído a Lei Maria da Penha, permanecendo sob escolta policial pela Santa Casa.

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar