Barretenses são presos após tentativa de furto a agência bancária em Pitangueiras e armas são apreendidas em Barretos

DSC09936 nbr

DSC09936 nbr
Quatro barretenses foram presos após a tentativa de furto a uma agência bancária em Pitangueiras. Após a prisão e com a troca de informações entre os policiais de Pitangueiras e Barretos foi possível ainda apreender armas de fogo pela PM de Barretos. Segundo o Cabo Ferraz, durante a madrugada após a detenção dos indivíduos, os policiais entraram em contato com os policiais de Barretos informando da prisão e que os mesmos eram desta cidade. Diante das informações a equipe comandada pelo Sargento Antunes reuniu a equipe e se deslocou até a residência a qual constava a placa do veículo apreendido com a quadrilha, pois os mesmos deram um endereço diferente. Na averiguação no Bairro América, na casa que constava o veículo e era de um dos presos por Pitangueiras, os policiais lograram êxito em apreender no quarto do indivíduo qualificado como Guilherme, foi localizado embaixo da cama uma bolsa contendo uma pistola calibre 9mm de uso restrito, e 66 munições, ainda na vistoria ainda foi localizado um revólver calibre 38 com 37 munições e mais de 700 eppendorfs vazios além de uma quantia em dinheiro. Diante do exposto todos os objetos foram apresentados no Plantão Policial onde foi feita a apreensão das armas e objetos e feita também o encaminhamento do boletim de ocorrência para se juntar aos autos lavrados por Pitangueiras. Foram presos em Pitangueiras, Igor Cristiano Ferreira de 19 anos, Guilherme Mario da Silva Santos de 23 anos, Igor Donato Viana de 20 anos e Leonardo Basílio Lemos de 20 anos. Com eles os policiais de Pitangueiras apreenderam vários objetos para arrombamento do banco. O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil. 

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar