Dezessete comitivas participam de seletiva para Concurso da Queima do Alho em Barretos

comitiva queima do alho 8 8 nbr

comitiva queima do alho 8 8 nbr
Uma das peculiaridades do Concurso da Queima do Alho da Festa do Peão de Barretos é que os pratos elaborados precisam ser fieis ao estilo, sabor e tradição das comitivas de peões de boiadeiros que viajavam pelo Brasil no século passado levando boiadas e desbravando o país. Neste ano, o concurso comemora 62 anos, assim como a Festa de Barretos, sendo considerado o mais antigo do Brasil.

A importância da Queima do Alho na manutenção da cultura caipira foi reconhecida também por lei. O prato é considerado hoje Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil.

A final do festival gastronômico acontece no dia 26 de agosto, no segundo sábado da festa, no Ponto de Pouso, no Parque do Peão. Mas, no final de semana anterior (19), uma seletiva será realizada entre 17 comitivas que disputarão três vagas para o concurso tradicional, que já tem outras 17 comitivas tradicionais confirmadas. A seletiva acontece no mesmo local, às 12 horas. Além de comitivas do estado de São Paulo, a eliminatória contará com outras de Goiás e Minas Gerais.

O desafio dos cozinheiros é preparar o melhor prato típico do estradão, constituído de arroz carreteiro, feijão gordo, carne assada serenada e paçoca de carne. Vence a comitiva que, além de produzir a refeição mais saborosa e fiel à tradição, tiver mais utensílios característicos da época e que garantem a manutenção da cultura tropeira.

 

Coordenador do concurso, João Paulo Martins declara que a Queima do Alho faz parte da história do Brasil e também de Barretos. “Nossa cidade cresceu no entorno de dois frigoríficos, por isso nossa cultura está tão ligada à cultura sertaneja. Esse almoço é a raiz da cultura sertaneja, o que há de mais típico”, relata. Os pratos e toda tralha são avaliados por um grupo de jurados.

Confira os 17 comitivas participantes da seletiva do dia 19 de agosto:

Comitiva: Os Muladeiros – Comissário: José Augusto Ribeiro – Cidade: Ribeirão Preto (SP)

Comitiva: Três Rios – Comissário: Eriko Gallo – Cidade: Palestina (SP)

Comitiva: Pouso de Boiada – Comissário: Fabrício Camilo – Cidade: Mirassol (SP)

Comitiva: Rancho F&N Bulls – Comissário: Sidney Gomes Pereira – Cidade: Itupeva (SP)

Comitiva: Montana – Comissário: Sérgio B. Fernandes – Cidade: Carapicuíba (SP)

Comitiva: Burro N’ Água – Comissário: Tassio Peroni – Cidade: Olímpia (SP)

Comitiva: Rancho Véio – Comissário: Marcos Bezerra – Cidade: Campinas (SP)

Comitiva: Pizeiro – Comissário: Milton M. Barros – Cidade: Campinas (SP)

Comitiva: Charupita – Comissário: Valdomiro Z. Guiler – Cidade: Araçatuba (SP)

Comitiva: São Jorge – Comissário: Expedito Luiz Ribeiro – Cidade: Alexânia (GO)

Comitiva: Vagar Ca Pinga – Comissário: Adão Luiz Carvalho – Cidade: Ubirajara (SP)

Comitiva: Molina – Comissário: Ademir Molina – Cidade: Franca (SP)

Comitiva: Tribo do Mato – Comissário: Aparecido V. Cabrera – Cidade: Pindorama (SP)

Comitiva: Bela Vista – Comissário: Ubiranide Oliveira – Cidade: Novo Horizonte (SP)

Comitiva: Anzolão – Comissário: Sílvio Mendes Dias – Cidade: Nova Crixa (GO)

Comitiva: Gole, Prosa e Viola - Comissário: Lucas Francisco De Souza – Cidade: Divinópolis (MG)

Comitiva: Estradão – Comissário: Guilherme Stange – Cidade: Votuporanga (SP)

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar