PROERD forma 97 alunos no Sistema Municipal de Ensino

proerd 5 6

proerd 5 6
O PROERD (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência) formou na última quinta feira, 2 de junho/17, no Auditório “Professor João Cornélio Perine”, anexo do Complexo Educacional “Amador Alves de Querioz”, 97 alunos do Sistema Municipal de Ensino. 

A solenidade teve participação de familiares dos formandos, professores, militares e civis. O programa é desenvolvido pela Polícia Militar, em parceria com a Prefeitura de Barretos, por meio da Secretaria Municipal de Educação. “Esta parceria tem ajudado muito na conscientização dos estudantes. “Os estudantes são o maior investimento, por isso buscamos sempre guiá-los no caminho do bem, com parcerias que possam ajudar na orientação e aprendizagem. É com esta união de forças, entre sociedade civil e militar, que conseguiremos formar cidadãos de bem”, ressaltou a secretária municipal de Educação, Valéria Reco.

O subcomandante do 33º Batalhão de Polícia Militar de Barretos, major Valdeci Silva Junior, afirmou que o programa consiste num investimento para o futuro, onde o aluno aprende sobre a prevenção às drogas e a violência na sala de aula, bem como a resistir às pressões e influências de outrem. “Nosso objetivo é a valorização à vida para uma sociedade mais saudável e feliz”, explicou. 

Durante a diplomação, os alunos realizaram apresentações culturais, receberam certificado e medalhas de honra ao mérito do PROERD, além de fazerem o juramento de que se manterão distantes das drogas.

O PROGRAMA - A Polícia Militar de Barretos iniciou O PROERD em  1997. Nestes 20 anos os instrutores estão conscientizando estudantes de Barretos, sendo mais de 18 mil, incluindo os de 2017.

Adicionar comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal NBR ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.


Código de segurança
Atualizar